6 capitais recebem o Fartura Gastronomia

Este ano, 6 capitais brasileiras recebem o Festival Fartura Gastronomia du Brasil, realizado entre os dias 11 e 13 simultaneamente em Belo Horizonte, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Belém e Fortaleza, além de ações online

fotos Nereu Jr





Senta que lá vem comida! Nos dias 11, 12 e 13 de dezembro, será realizado o Festival Fartura Gastronomia du Brasil, com ações presenciais em restaurantes de Belo Horizonte, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Belém e Fortaleza. Pela primeira vez, o evento acontece de forma simultânea nas cinco regiões brasileiras, contando com chefs, ingredientes, produtos e produtores do Brasil inteiro. Este ano, o Fartura ainda contará com mais de 50 horas de conteúdo online entre dicas, receitas, lives de empreendedorismo, shows de música e teatro.













Nesta edição, serão trabalhadas, de forma ainda mais ampla, a essência e as características principais da Plataforma: a brasilidade e a fartura da gastronomia brasileira, demonstradas através do caminho dos ingredientes “da origem ao prato”. Além de cuidado e atenção, seguindo todos os protocolos em relação ao covid-19. “Em um ano de pandemia mundial, o projeto conseguiu estar presente no Brasil inteiro, criar conexões reais entre todas as pontas da cadeia gastronômica e levar isso ao público. Seja em forma de conhecimento, seja por meio de experiência”, diz Rodrigo Ferraz, diretor geral da Plataforma Fartura.













Em novembro, 30 chefs de todas as regiões do País se encontraram em Belo Horizonte e formaram duplas para desenvolver menus a quatro mãos. Agora, entre 11 e 13 de dezembro, será servido no restaurante de cada chef participante o menu criado anteriormente pela dupla – e os pratos também poderão ser entregues por delivery. Entre as 15 duplas de chefs estão Morena Leite (SP) e Vico Crocco (RS); Janaína Rueda (SP) e Flávio Trombino (MG); Felipe Viana (CE) e Carlos Kristensen (RS); Matheus Paratella (MG) e Ronny Peterson (DF); e Rodrigo Oliveira (SP) e Thiago Castanho (PA) – estes com pratos como a carne de sol de porco, cozido de feijão manteiguinha e farofa de farinha dágua com rapadura e limão (foto no abre deste post).





LEIA TAMBÉM: Origem 75: gastronomia orgânica e imersão na natureza





Para reforçar o conceito que permeia o projeto – da origem ao prato – foram escolhidos ingredientes típicos de cada cidade, que irão compor os menus dos chefs que a representa. São eles: mandioca (Belém), banana (São Paulo), jabuticaba (Belo Horizonte), rapadura (Fortaleza), baru (Brasília) e azeite (Porto Alegre). A execução das receitas, em BH, foi registrada para que o público de todo o Brasil possa conferir o conteúdo no site do Projeto Fartura, durante os dias de festival.

Como o projeto Fartura tem a solidariedade como uma de suas grandes características, este ano foi criado o Fartura de Amor, quando os chefs se reúnem para cozinhar para quem mais precisa. Esta será a terceira edição e os 30 chefs que estiveram reunidos em BH cozinharam juntos mais de 2 mil refeições que serão doadas à população carente.





Programação Online

Além das ações presenciais nos três dias de Festival, o site do Projeto Fartura reúne diversos conteúdos, que contribuem para a cultura gastronômica do público e trazem entretenimento. No lançamento do evento, por exemplo, enquanto as chefs Manu Buffara e Beth Brandão preparam um almoço, Thomas Troisgos e Fred Trindade preparam um jantar. O desenvolvimento dos pratos e interação com os chefs, bem como as receitas produzidas, foram registrados e estarão disponíveis em vídeo no site.













Por meio de lives nas redes sociais do Fartura, um chef de cada capital do Brasil ensina uma receita que valorize um produtor local. Entre os participantes estão o paraense e mago da floresta Ofir Oliveira; Mônica Rangel, do Rio de Janeiro; Lia Quinderé, representando Fortaleza; a paulista Ana Luiza Trajano, entre outros. Os produtos utilizados estarão à venda na Mercearia Fartura, que este ano comercializará itens de 45 pequenos produtores de todo o País, com produtos como queijos artesanais mineiros, farofa de castanha, chambari e buchada, produtos de jabuticaba, café, cacau, cachaças entre outros.





LEIA TAMBÉM: Janaína Rueda é escolhida ícone da América Latina pela 50 Best





A gastronomia como negócio também é tema do Festival, com personalidades contando suas experiências e cases de sucesso neste setor em cada capital onde acontece o evento. Para complementar a programação, o evento conta com 18 shows musicais online e seis apresentações teatrais, também contemplando todas as regiões do Brasil.

Festival Fartura Gastronomia Du Brasil: www.farturabrasil.com.br